Prefeitura declara estado de calamidade pública na saúde

 em Destaque 4, Notícias de Pirenópolis
Prefeitura Municipal de Pirenópolis

Foto: Acervo do Agita Pirenópolis

Em decorrência da pandemia causada pelo Novo Coronavírus, a prefeitura do município de Pirenópolis declara estado de calamidade pública na área da saúde com um novo decreto publicado (N°3459/2020) no dia 19 de maio, definindo horários de serviços essenciais e não essenciais, adotando novas medidas e ajustando atividades relacionadas ao comércio.

Vários setores do comércio foram autorizados a reabrir, como salões de beleza, barbearias, clínicas de estética, lavanderias, academias, gráficas, estúdios de dança etc. Seguindo as medidas necessárias a fim de evitar aglomeração de pessoas e, consequentemente, a propagação do vírus, continua obrigatório o uso de máscara em todos os ambientes públicos e comerciais, sujeito à multa de R$100,00 (cem reais), dobrando o valor a cada reincidência. As multas para o descumprimento das normas nas empresas também seguem ativas.

De maneira geral, o comércio da cidade passa a funcionar das 7h às 18h de segunda a sábado e fechado aos domingos, salvo atividades essenciais. Setor de alimentação e distribuidoras de bebida, por exemplo, estão autorizados a trabalhar após às 18:00 com Delivery (portas fechadas) sendo proibido o atendimento no balcão, Drive Thru, aglomeração de pessoas nos estabelecimentos e venda de bebidas alcoólicas.

Atividades como festas, hospedagem em pousadas e afins, esporte em ginásios ou campos de futebol, salas de espera, visita a cachoeiras e rios, filas sem distanciamento em bancos, casas lotéricas e tudo que gere aglomeração de pessoas continuam suspensas e a prefeitura segue trabalhando em combate ao Covid-19.

O novo decreto segue por tempo indeterminado e Pirenópolis segue fechada ao turismo e sem casos confirmados do Novo Coronavírus.

-> Veja o número de casos e outras informações sobre o Coronavírus em nosso observatório. 

-> Baixe o decreto (N°3459/2020) da Prefeitura de Pirenópolis.

 

 

0 0 vote
Article Rating
Inscreva-se
Notificação de
guest
1 Comentário
Recentes
Antigos Mais votados
Inline Feedbacks
View all comments
trackback
28 de maio de 2020 6:26

[…] atende a um pedido do Ministério Público de Goiás (MP-GO), suspende o artigo 4.º do decreto n°3449/2020, publicado em 15 de abril, que proibia o ingresso de não moradores ao […]

1
0
Leia algumas opiniões e deixe a sua ;)x
()
x
Covid-19 em Pirenópolis: Como fica a cidade após o último decreto (n°3456/2020)Primeiro caso do Novo Coronavírus é confirmado em Pirenópolis