A voz dos Pireneus

 em Colunistas de Pirenópolis

Os professores e funcionários de escolas municipais fazem manifestação em frente a prefeitura[dropcap]E[/dropcap]ngano daqueles que veem em Pirenópolis uma população acomodada. É verdade que durante longos anos as pessoas faziam jus a fama interiorana e esperavam recostadas nas janelas antigas por um milagre, uma decisão, alguém que falasse por todos. O cenário está mudando e, confesso, me deixando super orgulhosa!

A primeira manifestação que vi tomar forma na Terrinha foi há quase um ano, nas Cavalhadas da Festa do Divino de 2011. Embora eu ainda não tenha certeza de quem tinha razão, o pessoal resolveu se mobilizar contra a numeração dos mascarados. Foi o primeiro ano que vi aquele campo vazio entre uma carreira e outra da encenação.

Ninguém imagina o quanto, secretamente, fiquei feliz com aquela ação. Era um manifesto “frio”, um “vão ter que nos engolir”. Tudo pacífico, organizado, esquematizado por meio de redes sociais! (Entenda, não estou dizendo que estes estão certos e aqueles errados, o ato me surpreendeu!). Não vou houve apitos, gritos do Pompeu pelo campo, não houve cor, até que a união vez a força e os mascarados, enfim, foram liberados da identificação no finalzinho da Festa.

Hoje, mesmo sem estar na cidade, posso dizer que “vi” a segunda manifestação pirenopolina. Digo que vi porque, novamente, as redes sociais fizeram sua parte. No meio da tarde, abro e Facebook e o que vejo? Um protesto de professores municipais na porta da Prefeitura! Agora sim fiquei impressionada!

Os professores reivindicavam o cumprimento da Lei federal nº 11.738/2008, que legaliza o piso salarial da classe, incluindo os valores retroativos desde janeiro de 2009. O grupo contou com o apoio de pais de alunos, representantes de sindicato e a cobertura de veículos de comunicação (imprensa em Pirenópolis e imprensa de Pirenópolis).

A manifestação foi pacífica, e os reivindicadores foram atendidos pelo vice-prefeito… um belo fim, se falássemos de um conto de fadas. Mas será que as promessas realmente serão cumpridas? Ok, nesse artigo este ponto não vem (ou não deveria vir) ao caso.

Aos manifestantes, meus parabéns: organizados e em grupo é que as grandes conquistas são alcançadas… É sempre bom saber que as pessoas do interior não são feitas apenas de calmaria e comodidade. Pirenópolis, hoje, foi colocada no mapa e o povo, mais uma vez, mostrou sua voz.

Esse post foi útil para você?

Clique na estrela para votar!

Classificação média da publicação 0

Seja o primeiro a votar!

Já que gostou ...

Que tal nos seguir nas redes sociais também?

Qual sua opnião?